Moda!

Sou jornalista, pós graduada em Marketing e Criação de Moda. Minha vida profissional sempre esteve atrelada à televisão, onde passei a atuar na década de 80. Também exercitei o ofício de professora no Curso de Moda da Universidade Regional de Blumenau. O blog surgiu como um instrumento de divulgação fantástico e um novo desafio na minha carreira. A ideia não é discorrer sobre tendências internacionais de moda, nem dissecar coleções desfiladas por esta ou aquela marca. Minha pretensão é levar informação de uma forma descomplicada, com um conteúdo fácil de compreender. Desejo de alguma forma ajudar as pessoas na diária tarefa de inovar suas produções de moda. Também faço questão de valorizar os talentos locais e os produtos que encontramos nas lojas de Blumenau e região. Tudo conectado com as novidades da moda globalizada.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Sul Fashion Week 2012

A segunda edição do Sul Fashion Week terminou no domingo e o grande diferencial desta edição foi a participação de marcas expressivas (Uma, Iódice, Huis Clos, Doc Dog, Folic, Richards e Maria Garcia) em busca de relacionamento com o mercado da região sul. Além disso, o Sul Fashion Week confirma a proposta de um evento completo, com espaço para negócios, desfiles e uma programação educativa, para atender às necessidades dos diferentes nichos que compõem o setor. Durante esta edição os representantes das marcas também encontraram possibilidades para fortalecer a imagem e efetivar os lançamentos no mercado. A presença de marcas de acessórios também fortaleceu o salão de negócios, complementando ao mix de produtos oferecidos pelo evento. A plataforma de informação de moda foi outro ponto positivo desta edição. As palestras e oficinas foram organizadas para atingir públicos distintos como estudantes, confeccionistas, compradores e outros profissionais da área.





Os desfiles levaram em três noites cerca de 1600 pessoas ao Museu de Arte de Santa Catarina. No line-up, marcas de todo o país dividiram o palco com representantes da moda internacional, um diferencial do Sul Fashion Week. A Maria Garcia é a estreante na semana de moda do Sul. A segunda marca de Clô Orozco apresentou florais e formas estruturadas e retas, inspiradas nos anos 1960 e 1970.



A Ésh, nova marca das estilistas Joice Alano e Karin Leida, trabalhou com o tema “paixão” por meio de peças que destacam o contraste de texturas leves e pesadas, as transparências e as estampas de arabescos e florais cor de sangue.



A Iriá mostrou uma coleção inspirada nos clássicos do cinema e filmes Noir com destaque para o preto e tons fortes como o violeta e alaranjados.


A Zazo & Brull trouxe para a passarela uma coleção que retrata a história da rainha das borboletas e o reino de súditas negras com a conceitual “Industructible”. As peças, quase todas na cor preta, surgem em extravagantes modelos estruturais.


A MarcusSoon, conceitual grife, mostrou uma retrospectiva da marca, exibindo as peças mais marcantes da carreira da dupla.


A marca Anna Karenina mostrou uma coleção com peças que remetem ao passado. No inverno da grife há o orientalismo dos anos 1920, brilhos variados, a nostalgia dos anos 1950 e os toques masculinos da década 1970.


O segmento de jeanswear foi representado pela Brix que mostrou uma coleção com base na cultura urbana para atender o estilo contemporâneo de homens e mulheres.


ANDE – com Kamola Rustamova e Sara Ostos. Duas estilistas da Asociación de Nuevos y Jovenes Diseñadores Españoles – ANDE vieram especialmente ao Sul Fashion Week. Kamola mostrou uma coleção com matéria prima totalmente artesanal.


Sara Ostos mostrou a essência de um delicado jardim com vestidos em shapes arredondados ou em linha A, com babados nas golas, mangas ou barras.



A inspiração de Celaine Refosco para a coleção Estudio Orbitato é a superpopulação do planeta. A cartela de cores vai do branco ao preto, transitando entre o magenta, azul, amarelo, verde, laranja e marrom.


Argentina Fashion Week – com Marcelo Senra, Teresa Calandra e Jorge Ibañez. Os representantes da moda argentina participam do Sul Fashion Week para reforçar a troca de informação e o intercâmbio de talentos. Marcelo Senra mostrou uma coleção de formas retas e soltas com detalhes de um do trabalho manual aplicado às peças.




Calandra propôs a sofisticação clássica para a mulher contemporânea. Couro, jérsei de algodão, gabardine, cetim e seda são as principais apostadas da estilista.



Jorge Ibañez, que finalizou os desfiles do evento, apresentou uma série de longos, produzidos principalmente em seda. A marca destaca a alta costura com tempero latino.


Fotos: Pedro Caetano

Um comentário:

  1. Hi!! :)
    I really like your blog, I follow you :D
    ... maybe if you have time, you could visit my blog too ;)
    Kisses!
    http://modacapitalblog.com

    ResponderExcluir